Última hora

Em leitura:

Iraque: Exército retoma mesquita de Mossul onde EI proclamou o "califado"


Iraque

Iraque: Exército retoma mesquita de Mossul onde EI proclamou o "califado"

Hot Topic Saiba mais sobre Mossul

O primeiro-ministro iraquiano afirma que a vitória final e absoluta em Mossul está cada vez mais próxima, num momento em que o exército iraquiano anunciou ter assumido o controlo da totalidade da zona leste da cidade.

O avanço das forças governamentais ocorre três meses após o início da operação contra a alegada “capital” do “califado” proclamado pelo grupo Estado Islâmico (EI).

Segundo o general Talib Shaghati, responsável das forças anti-terroristas:

“A parte oriental de Mossul, incluindo as áreas mais importantes está agora sob controlo. As informações que temos sobre a operação a norte e a sul indicam que o exército está a avançar, embora não controle ainda várias áreas a norte”.

Segundo os militares, os combatentes islamitas resistem ainda em três bairros do noroeste da cidade, onde os bombardeamentos da coligação visaram nas últimas horas vários arsenais e ateliês de fabrico de bombas artesanais.

Segundo a ONU, a nova ofensiva terá levado mais de 12 mil pessoas a abandonarem a cidade na semana passada.

A aviação norte-americana bombardeou igualmente todas as pontes sobre o rio Tigre, para impedir o acesso dos combatentes à parte oriental da cidade.

Na área retomada pelo exército encontra-se igualmente a Grande Mesquita de Mossul, o local simbólico onde o líder do EI, Abu Bakr al-Baghdadi, tinha proclamado a criação do “califado” em julho de 2014.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Itália

Itália: A pesada fatura de meio século de sismos