Última hora

Última hora

Itália: A pesada fatura de meio século de sismos

O centro de Itália volta a ser palco de novos sismos de grande intensidade, num momento em que dezenas de povoações encontram-se ainda em ruínas após os terramotos do ano passado na mesma…

Em leitura:

Itália: A pesada fatura de meio século de sismos

Tamanho do texto Aa Aa

O centro de Itália volta a ser palco de novos sismos de grande intensidade, num momento em que dezenas de povoações encontram-se ainda em ruínas após os terramotos do ano passado na mesma região.

Em quase meio século o país foi abalado por sete sismos devastadores que provocaram 5 mil mortos e mais de 500 mil desalojados.

Em 2009, um sismo de 6,3 de magnitude na escala de Richter, provocava mais de 300 mortos na região montanhosa de Abruzzo, destruindo a cidade de l’Aquila.

No ano passado, dois violentos sismos de 6 de magnitude, em Agosto e Outubro, provocavam igualmente mais de 300 mortos, a poucos quilómetros de L’Aquila, destruindo povoações como Amatrice.

Os novos abalos ocorrem num momento em que a fatura de meio século de sismos em Itália se eleva a mais de 120 mil milhões de euros.

Uma catástrofe natural que, para os milhares de desalojados do passado, representa uma longa espera pela reconstrução, em alguns casos mais de três décadas, na maior parte das vezes marcadas por escândalos de corrupção.