Última hora

Em leitura:

Desabamento de edifício em chamas vitima 20 bombeiros em Teerão


Irão

Desabamento de edifício em chamas vitima 20 bombeiros em Teerão

As autoridades iranianas prosseguem as operações para resgatar dezenas de pessoas aprisionadas nos escombros de um edifício emblemático da capital.

O desmoronamento do centro comercial Plasco ocorreu no momento em que mais de três dezenas de bombeiros encontravam-se no interior, para tentar apagar um incêndio ao nível do nono andar.

Segundo o presidente da Câmara de Teerão, pelo menos 20 soldados da paz terão morrido no incidente.

O desabamento ocorreu depois do local ter sido totalmente evacuado e minutos após os bombeiros terem anunciado a extinção das chamas.

Há registo de pelo menos 70 feridos, mais de metade dos quais são bombeiros.

Entre as pessoas atualmente desaparecidas encontram-se igualmente vários comerciantes e fotojornalistas que acompanhavam a intervenção dos bombeiros.

Vários edifícios nos arredores foram evacuados, entre os quais as embaixadas da Turquia e do Reino Unido.

As causas do incêndio registado esta manhã e que teria inicialmente provocado o desmoronamento de uma parede não são para já conhecidas.

O governador de Teerão, Hussein Hashemi descartou, no entanto, a possibilidade de tratar-se de um atentado terrorista.

Algumas testemunhas referem que os extintores dentro do edifício não estavam funcionais.

O edifício Plasco foi construído há mais de 50 anos em Teerão, sendo durante décadas o prédio mais alto da capital.

O presidente iraniano Hassan Rouhani anunciou esta tarde a abertura de um inquérito às causas do incêndio.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Irão

Colapso de torre em Teerão faz dezenas de mortos