Última hora

Em leitura:

Manchester United volta a ser o clube com mais receitas, Benfica entra no Top 30


mundo

Manchester United volta a ser o clube com mais receitas, Benfica entra no Top 30

O sucesso na Primeira Liga inglesa de futebol pode ter escapado nos últimos anos, mas isso não impediu o Manchester United de alcançar o topo das equipas com mais receitas no mais recente estudo apresentado pela Deloitte.

Os Red Devils derrubaram o gigante espanhol Real Madrid nos “rankings” apresentados pela empresa. O Real Madrid caiu para terceiro, enquanto o Benfica entrou no Top 30: https: //www2.deloitte.com/uk/pt/pages/sports-business-group/articles/deloitte-football-money-league .html.

O Manchester United, orientado por José Mourinho, arrecadou uma receita recorde de 689 milhões de euros na temporada 2015/16.

O clube da Premier League aumentou a receita comercial em 91 milhões de euros e viu a receita de transmissão crescer em 47 milhões de euros.

Após 11 temporadas consecutivas na posição de líder, o Real Madrid foi derrubado do topo da “Football Money League” da Deloitte

Apesar de vencer a Liga dos Campeões e o Mundial de Clubes, e fazer crescer as receitas comerciais e de transmissão, o Real Madrid, de Cristiano Ronaldo e Pepe, foi incapaz de arrecadar tanto quanto o Manchester United ou o seu rival Barcelona, que ocupa a segunda posição no “ranking” da Deloitte.

O total combinado de todos os 20 clubes da liga da Deloitte cresceu 12 %, para 7,4 mil milhões de euros – um novo recorde.

O Benfica é o mais bem colocado dos clubes portugueses, na 27.ª posição com receitas de 152,1 milhões de euros, com o FC Porto e o Sporting a constarem nos primeiros 75 lugares, ainda que sem que a empresa adiante uma posição precisa.

Leicester City, vencedor da Primeira Liga inglesa no ano passado, entrou no top 20 pela primeira vez.

Duas décadas atrás, a receita de 36 milhões de euros seria suficiente para colocar um clube no top 20 da Deloitte; Agora são necessários 172 milhões de euros para conseguir um lugar no top 20 da Deloitte.

“Football Money League 2017” da Deloitte

- 1. Manchester United (€689m)
– 2. FC Barcelona (€620.2m)
– 3. Real Madrid (€620.1m)
– 4. Bayern Munich (€592m)
– 5. Manchester City (€524.9m)
– 6. Paris Saint-Germain (€520.9m)
– 7. Arsenal (€468.5m)
– 8. Chelsea (€447.4m)
– 9. Liverpool (€403.8m)
– 10. Juventus (€341.1m)
– 11. Borussia Dortmund (€283.9m)
– 12. Tottenham Hotspur (€279.7m)
– 13. Atlético de Madrid (€228.6m)
– 14. Schalke 04 (€224.5m)
– 15. AS Roma (€218.2m)
– 16. AC Milan (€214.7m)
– 17. FC Zenit Saint Petersburg (€196.5m)
– 18. West Ham United (€192.3m)
– 19. Internazionale (€179.2m)
– 20. Leicester City (€172.1m)

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

mundo

Pete "O Açoriano" Souza, o fotógrafo de Barack Obama