Última hora

Última hora

"Lendas do Espaço": A chegada da sonda Huygens a Titã

Em leitura:

"Lendas do Espaço": A chegada da sonda Huygens a Titã

Tamanho do texto Aa Aa

A euronews dá início a uma nova minissérie intitulada “Lendas do Espaço”.

A euronews dá início a uma nova minissérie intitulada “Lendas do Espaço”. Ao longo deste ano, vamos recordar alguns dos momentos mais decisivos da exploração espacial, desde o Sputnik até à missão Rosetta. Começamos por recuar até 2005, ano em que a sonda Huygens entrou para a História.

O cientista da Agência Espacial Europeia, Jean-Pierre Lebreton, explica-nos como foi: “A 14 de janeiro de 2005, a Huygens “aterrou com um paraquedas na superfície de Titã. Foi a aterragem mais longínqua alguma vez efetuada no sistema solar. O sinal chegou com cerca de 45 minutos de atraso, ou seja, passámos por vários momentos de stress. Mas, assim que os dados chegaram e descobrimos as primeiras imagens, foi mágico”.

“Parecia a Côte d’Azur”

Lebretton relembra que assim que teve uma visão global da superfície, pensou que “parecia a Côte d’Azur. Mas os elementos são muito diferentes. A temperatura é de 180 graus negativos; as colinas são feitas de gelo; o líquido que vemos consiste em hidrocarbonetos de metano e talvez numa mistura de metano e etano. A Huygens vai ficar na superfície de Titã para sempre. Talvez um dia haja uma outra missão que lhe vá dar um ‘olá’. Mas não vai ser em breve”.