Última hora

Em leitura:

Polícia volta a interrogar Netanyahu sobre suspeitas de corrupção


Israel

Polícia volta a interrogar Netanyahu sobre suspeitas de corrupção

A polícia israelita regressou esta sexta-feira à casa de Benjamin Netanyahu para interrogar o primeiro-ministro sobre dois casos em que é suspeito de corrupção, trocas de favores e recebimento de presentes ilegais.

Segundo avança a imprensa israelita, a polícia já concluiu que as investigações produziram provas suficientes para confirmar que Netanyahu cometeu pelo menos parte dos crimes de que é suspeito e deverá recomendar à justiça que acuse formalmente o primeiro-ministro.

Num caso, a polícia estará em posse de gravações de conversas em que um magnata da comunicação social e Netanyahu combinam trocas de favores. No outro, o chefe do governo israelita e a família são suspeitos de terem recebido, nomeadamente, viagens e estadias em hotéis de luxo da parte de empresários.

Numa publicação no Facebook, quinta-feira, Netanyahu acusa a comunicação social e parte da classe política de estarem a pressionar o Procurador-Geral e as autoridades numa “tentativa antidemocrática” de “derrubar o governo”.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Síria

Síria: Negociações de paz em Genebra adiadas