Última hora

Última hora

Síria: Negociações de paz em Genebra adiadas

A nova ronda de negociações de paz sobre a Síria, em Genebra, foi adiada para o final de fevereiro, anunciou o chefe da diplomacia russa, que críticou a "passividade" da ONU.

Em leitura:

Síria: Negociações de paz em Genebra adiadas

Tamanho do texto Aa Aa

A nova ronda de negociações de paz sobre a Síria foi adiada para o final do mês de fevereiro, informou, sem avançar uma data precisa, o ministro dos Negócios Estrangeiros da Rússia, Serguei Lavrov, no inicio de uma reunião em Moscovo com alguns representantes da oposição síria.

O encontro, em Genebra, sob a égide das Nações Unidas, estava agendado para 8 de fevereiro.

Lavrov lançou ainda uma farpa, aparentemente dirigida ao enviado especial da ONU, Staffan de Mistura, afirmando que “a passividade dos nossos colegas da ONU, que desde abril do ano passado não realizaram nenhuma ronda de negociações, é inaceitável”.

No terreno, o grupo islamita Ahrar al-Sham, apoiado pela Turquia e que não foi convidado para conversas em Astana, patrocinadas pela Rússia, anunciou uma aliança com outras fações rebeldes, no noroeste da Síria, para se defender dos ataques dos jihadistas da antiga Frente al-Nusra, rebatizada de Jabhat Fateh al-Sham.

Entretanto, em Alepo, agora controlada pelo regime de Bashar al-Assad, a vida vai regressando lentamente à normalidade após quatro anos de combates.