Última hora

Última hora

Colombia: Produtores de coca exigem do governo alternativas de subsistência

Apoiados por organizações não-governamentais, mais de três mil agricultores colombianos exigiram no sábado na cidade de Asunción de Popayán, capital do departamento de Cauca, que o programa governamen

Em leitura:

Colombia: Produtores de coca exigem do governo alternativas de subsistência

Tamanho do texto Aa Aa

Apoiados por organizações não-governamentais, mais de três mil agricultores colombianos exigiram no sábado na cidade de Asunción de Popayán, capital do departamento de Cauca, que o programa governamental de erradicação da produção de coca lhes garanta alternativas de subsistência.

O governo da Colombia e os guerrilheiros das FARC anunciaram na sexta-feira um plano que prevê a erradicação em 2017 de 50 mil hectares de coca, na sequência do acordo de paz que pôs fim a um conflito de meio século.

Segundo o dirigente da federação de agricultores, Edgar Mora, os produtos legais propostos pelo governo não são uma alternativa realista:

“As áreas onde é cultivada coca são áreas isoladas, onde vive gente de bem, camponeses que não tiveram outra alternativa senão cultivar a coca, porque se cultivarem outros produtos perderão dinheiro, não vão conseguir comercializar os produtos legais propostos pelo governo.”

A Colombia é o maior produtor mundial de cocaína, com uma àrea total de cultivo de 96 mil hectares. Segundo a ONU, o volume de produção em 2015 foi de 646 toneladas.