Última hora

Em leitura:

Netanyahu defende transferência de embaixada dos EUA para Jerusalém


Israel

Netanyahu defende transferência de embaixada dos EUA para Jerusalém

O primeiro-ministro israelita reiterou este domingo o desejo de ver transferida a embaixada dos Estados Unidos de Telavive para Jerusalém, uma hipótese avançada por Donald Trump durante a campanha para as presidenciais norte-americanas, mas classificada por responsáveis palestinianos como o fim de qualquer perspectiva de paz.

Durante a reunião do executivo israelita, Benjamin Netanyahu fez questão de “deixar claro, de forma inequívoca, que a posição [de Israel] sempre foi e continuará a ser de que a embaixada dos Estados Unidos deve estar em Jerusalém, que é a capital de Israel. É adequado e justo que todas as embaixadas estrangeiras se mudem para Jerusalém”.

A declaração foi feita um dia depois do chefe do governo israelita ter publicado uma mensagem no Twitter na qual felicita o projeto de Trump de construir um muro na fronteira com o México, sublinhando que ele construiu um na fronteira entre Israel e o Egito, que classifica como um “sucesso” que “pôs fim a toda a imigração ilegal”.

A mensagem atraiu rapidamente as críticas do México, da oposição israelita e de organizações de defesa dos direitos humanos, para além de ter motivado um intenso debate “online”.

Síria: Exército recupera abastecimento vital de água a Damasco

Síria

Síria: Exército recupera abastecimento vital de água a Damasco