Última hora

Em leitura:

Ucrânia: embaixadora dos EUA na ONU acusa Rússia


Ucrânia

Ucrânia: embaixadora dos EUA na ONU acusa Rússia

A nova embaixadora dos Estados Unidos na ONU acusou a Rússia pelo recente surto de violência no Leste da Ucrânia. Apesar de Donald Trump promover uma reaproximação com o Kremlin, Nikki Haley afirmou, no Conselho de Segurança das Nações Unidas, que as sanções serão mantidas “até que a Rússia devolva o controlo da Crimeia à Ucrânia”.

Haley disse que os Estados Unidos pretendem “melhorar as relações com a Rússia, mas a situação desastrosa no Leste da Ucrânia exige uma condenação clara e forte das ações russas. O súbito aumento nos combates […] deixou milhares de civis encurralados e destruiu infraestruturas vitais. A crise está a alastrar-se e a pôr em perigo muitos outros milhares de ucranianos. A escalada da violência tem de parar”.

No quinto dia consecutivo de combates entre soldados ucranianos e rebeldes separatistas pró-russos na região de Avdiivka, os mais violentos desde a trégua de dezembro, Kiev e Moscovo acusam-se mutuamente de atiçar o conflito.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Israel

Trump distancia-se de expansão israelita