Última hora

Em leitura:

Caso de violência policial volta a inflamar os subúrbios de Paris


França

Caso de violência policial volta a inflamar os subúrbios de Paris

Um caso de possível abuso das forças da ordem volta a inflamar os subúrbios de Paris.

Centenas de habitantes manifestaram-se pacificamente em Aulnay Sous Bois para exigir “justiça para Theo”, o jovem violentamente agredido durante um controlo policial no domingo.

O protesto surge depois da televisão ter difundido ontem o testemunho do homem de 22 anos, atualmente hospitalizado, que afirma ter sido insultado, espancado e agredido sexualmente com um bastão.

“Eles estavam à espera de quê ao provocarem uma faísca num barril de pólvora. Como se não bastasse o desemprego, a insegurança, o preço do imobiliário, a falta de perspetivas de futuro. Quando se faz isto a um jovem só se pode esperar uma explosão”, afirma um residente.

Outro, sublinha, “o que fizeram é inaceitável e repete-se todos os dias, de cada vez que a polícia comete abusos durante os controlos policiais”.

A justiça abriu um inquérito por violação contra um dos polícias implicados no incidente. Outros três agentes enfrentam acusações de agressão em grupo.

Terceira noite de confrontos com a polícia

O bairro foi palco, pela terceira noite consecutiva, de violentos confrontos entre polícia e grupos de jovens, marcados pelo incêndio de várias viaturas e de pelo menos dois restaurantes.