Última hora

Em leitura:

EUA: Senado aprova secretária da Educação mas não sem polémica


EUA

EUA: Senado aprova secretária da Educação mas não sem polémica

O Senado dos EUA votou, esta terça-feira, o nome de Betsy DeVos para secretária da Educação. Uma nomeação polémica até ao fim já que muitos consideram que a milionária, de origem holandesa, não tem habilitações para desempenhar o cargo para o qual Donald Trump a escolheu.

O próprio senado acabou por mostrar-se, também ele, dividido, 50 votos a favor e 50 votos contra. Houve mesmo duas senadoras republicanas que disseram não ao nome que acabou por ser aprovado com o voto do vice-presidente dos EUA, Mike Pence, obrigado, a chamamos-lhe, desempatar. Situação inédita no país.

Para os Democratas a situação é inacreditável. O senador do Minnesota afirmou mesmo que foi a “audição de confirmação mais embaraçosa que alguma vez viu”.

Uma das polémicas desta nomeação e ó facto da agora secretária da Educação não ter cumprido com as obrigações de transparência dos titulares de cargos públicos, ao recusar apresentar a declaração dos seus interesses financeiros e patrimoniais.

Em frente à Casa Branca dezenas de norte-americanos manifestavam-se contra esta nomeação que não consideram adequada.