Última hora

Em leitura:

Reino Unido com melhor desempenho que o esperado depois do "Brexit"


Economia

Reino Unido com melhor desempenho que o esperado depois do "Brexit"

Em dezembro, a economia do Reino Unido, teve um desempenho melhor do que o esperado, depois do voto dos britânicos pela saída do país da União Europeia. Informação confirmada pelos dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatísticas do país.

A economia da Grã-Bretanha foi mesmo a mais forte entre as nações mais ricas, no ano passado, quando se previa uma desaceleração. A entidade estatal diz que não vai rever a estimativa preliminar de crescimento para a economia britânica, 0,6% no quarto trimestre de 2016.

A produção, no país, cresceu mais do que se esperava, no último mês do ano mas tudo aponta para que as crescentes pressões inflacionárias e a probabilidade de que as negociações, para a saída da União Europeia, se mostrem difíceis, dissuadam as empresas de fazer investimentos de longo prazo.

Dados oficiais, divulgados esta sexta-feira mostraram também que o setor de construção cresceu mais rapidamente do que muitos economistas previam, 1,8%, já o deficit comercial encolheu.

Estes dados animadores não significam que 2017 vá seguir a mesma tendência, dizem os entendidos. Espera-se, aliás, que este ano a inflação cresça e afete o poder de compra dos consumidores.

Ministro grego das Finanças em Bruxelas para encontro com responsáveis europeus

Economia

Ministro grego das Finanças em Bruxelas para encontro com responsáveis europeus