Última hora

Em leitura:

O sonho não tem fim à vista para Ilka Štuhec


gravity

O sonho não tem fim à vista para Ilka Štuhec

Nos Campeonatos do Mundo de esqui alpino, o ouro na prova rainha, o downhill, continua nas mãos de esquiadoras eslovenas. Dois anos depois de Tina Maze, foi Ilka Štuhec a arrebatar o título.

Tem sido uma temporada de sonho para a esquiadora de 26 anos, que nunca tinha conseguido sequer um lugar no pódio. Depois de cinco vitórias na Taça do Mundo, Štuhec deu sequência ao bom momento de forma ao sagrar-se campeã do mundo de downhill em Saint-Moritz.

A eslovena terminou com uma vantagem de quatro décimos sobre a austríaca Stephanie Venier, a norte-americana Lindsey Vonn completou o pódio.

Os homens também estiveram em ação na pista de Corviglia e o grande favorito, Beat Feuz, não desiludiu os adeptos locais, festejando a vitória um dia depois do 30º aniversário.

O esquiador suíço já não festejava uma vitória desde março, quando conseguiu uma dobradinha, downhill e super gigante, precisamente em Saint-Moritz. De regresso para o Campeonato do Mundo, conquistou a descida à custa de Eric Guay. Quatro dias depois de vencer o Super G, desta vez o canadiano ficou a 12 centésimos de segundo do ouro. Na terceira posição terminou o austríaco Max Franz.

Kamil Stoch regressa às vitórias

Partimos agora rumo ao Japão para dar uma vista de olhos aos saltos de esqui. Kamil Stoch mostrou ser capaz do pior, mas também do melhor no trampolim de Sapporo.

O polaco não tinha ido além do 18º lugar no concurso de sábado, o pior resultado desde que ficou fora do top 20 em Ruka, em novembro, mas não perdeu tempo a redimir-se e este domingo subiu ao lugar mais alto do pódio pela sexta vez esta temporada.

Stoch terminou com uma vantagem de 7,4 pontos sobre Andreas Wellinger, uma prestação que lhe permitiu consolidar a liderança na Taça do Mundo de saltos de esqui. Tem agora 140 pontos de vantagem sobre Stefan Kraft, que ultrapassou Daniel-Andre Tande na segunda posição ao completar o concurso nipónico no lugar mais baixo do pódio.

Kraft volta a brilhar em Oberstdorf, Hirscher e Gut favoritos nos mundiais que se avizinham

gravity

Kraft volta a brilhar em Oberstdorf, Hirscher e Gut favoritos nos mundiais que se avizinham