Última hora

Última hora

NATO: Washington pede mais investimento ou "restringe" apoio

O secretário norte-americano da Defesa advertiu os congéneres da NATO de que se não aumentarem os investimentos à Organização, Washington vai “restringir” o apoio à Aliança…

Em leitura:

NATO: Washington pede mais investimento ou "restringe" apoio

Tamanho do texto Aa Aa

O secretário norte-americano da Defesa advertiu os congéneres da NATO de que se não aumentarem os investimentos à Organização, Washington vai “restringir” o apoio à Aliança Atlântica.

O aviso surgiu, segundo fontes diplomáticas, esta quarta-feira, na cimeira de ministros da Defesa da NATO, em Bruxelas.

Ao entrar para a reunião, James Mattis reiterou que a Aliança Atlântica continua a ser uma “base fundamental” para os Estados Unidos da América.

A Casa Branca insiste que os Estados-membros devem investir mais na luta contra o terrorismo.

Os Estados Unidos, a Grã-Bretanha, a Polónia, a Grécia e a Estónia “cumprem, já, a meta de 2%” do PIB em investimento.

Letónia, Lituânia e Roménia aproximam-se deste valor.

Portugal espera investir pouco mais de 1% do PIB, na defesa, até 2020.