Última hora

Em leitura:

"Brexit": Bruxelas teme que o processo se possa eternizar


mundo

"Brexit": Bruxelas teme que o processo se possa eternizar

O processo de saída do Reino Unido da União Europeia poderá prolongar-se para lá do período de dois anos previsto pelo governo de Theresa May.

O presidente da Comissão Europeia lembrou ontem que Bruxelas e Londres terão que renegociar mais de 20.000 leis durante as conversações.

Jean-Claude Juncker criticou igualmente o governo britânico por estar a negociar acordos bilaterais, quando essa competência depende ainda da Comissão Europeia, no quadro do mercado comum.

O governo britânico tinha-se comprometido a iniciar o processo do Brexit, em Março, com a ativação do artigo 50 do Tratado da União Europeia.

Theresa May tinha já admitido a possibilidade de um acordo transitório, caso as negociações se prolongassem para lá da data limite de 2019.

O antigo Comissário Europeu para o Comércio, Peter Mandelson, mostrou-se ainda mais pessimista que Juncker, ao prever que o processo do Brexit, cuja fatura poderá ascender a 73 mil milhões de euros para Londres, possa durar cerca de uma década.