Última hora

Em leitura:

Greve impede turistas nos monumentos de Atenas


Grécia

Greve impede turistas nos monumentos de Atenas

Um dia de greve impediu os turistas de acederem aos locais mais emblemáticos de Atenas. Os guardas das antiguidades da capital grega paralisaram esta segunda-feira.

Exigem melhores salários, benefícios, e querem garantias sobre as promessas do governo de que as horas extraordinárias e remuneração nos feriados não estão em risco.

Os turistas bateram com o nariz nas portas dos principais monumentos atenienses

“Não posso acreditar. Especialmente nós, alemães, estamos mesmo zangados pela forma como eles trabalham aqui, por vezes. Um edifício turístico tão internacional, as pessoas vêm aqui todos os dias e não pode ser… não percebo como podem estar em greve. É mesmo uma vergonha”, diz uma professora alemã.

Os guardas exigem também a contratação de 200 funcionários de segurança suplementares para o verão, a época alta.

Numa altura em que em Bruxelas debate a crise grega, o ministério grego da Cultura apelou à boa vontade dos contestatários afirmando que o governo está a fazer esforços para atender às exigências laborais.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

mundo

Vitaly Churkin morre na véspera do seu aniversário