Última hora

Em leitura:

Turquia: Anulação de mandato parlamentar e prisão para líderes do HDP


Turquia

Turquia: Anulação de mandato parlamentar e prisão para líderes do HDP

A liderança do partido prócurdo HDP recebeu um duplo golpe na Turquia – uma anulação de um mandato parlamentar e uma sentença de prisão

O parlamento dominado pelo AKP do Presidente Recep Tayyip Erdogan anulou a condição de deputada da co-lider do HDP, Figen Yüksekdag. A decisão foi aprovada pelo facto de a deputada ter sido condenada a uma pena de prisão em 2013 por apologia do terrorismo.

O HDP diz ser uma decisão política e ilegal por considerar que nenhum processo pode avançar durante a legislatura de um deputado acusado.

O supremo validou os 10 meses de prisão no ano passado.

Um curdo, residente de Dyabarkir está otimista. “Podem retirar o estatuto de deputados que quiserem, o HDP vai ficar mais forte. Isto deve ser divulgado, costumava votar no partido do presidente mas agora percebi como desprezam os curdos. Nunca mais voto neles outra vez”, garante.

Uma má notícia não vem só.

O líder Selahattin Demirtas foi condenado a cinco meses de prisão por insultos à nação turca.

O HDP acusa o presidente Erdogan de montar o cenário político para permitir uma vitória no referendo de abril que dará ao chefe de Estado poderes executivos e a possibilidade de se manter no poder até 2029.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Reino Unido

Macron deixa recado a Theresa May