Última hora

Última hora

Síria: Rebeldes apoiados pela Turquia anunciam tomada de Al-Bab aos 'jihadistas' do Estado Islâmico

Com a queda de Al-Bab, os radicais islâmicos perdem o último grande bastião que detinham na província de Alepo, no norte da Síria.

Em leitura:

Síria: Rebeldes apoiados pela Turquia anunciam tomada de Al-Bab aos 'jihadistas' do Estado Islâmico

Tamanho do texto Aa Aa

No longo caminho ainda pela frente até Raqqa, a capital do autoproclamado califado do grupo ‘jihadista’ Estado Islâmico, militantes armados apoiados pela Turquia anunciaram a tomada de Al-Bab, esta quinta-feira.

Com a queda de Al-Bab, os radicais islâmicos perdem o último grande bastião que detinham na província de Alepo, no norte da Síria.

De momento, as autoridades turcas optam pela prudência. De visita a Izmir, o ministro da Defesa da Turquia, Fikri Isik, referiu que ainda “estão a decorrer operações”, nomeadamente de busca e eliminação de explosivos e outras ameaças. Mas, “não será necessário muito tempo até que seja possível dizer que Al-Bab está completamente livre do ‘Daesh’”, concluiu.

Cidade com cerca de 100 mil habitantes, Al-Bab era uma das fontes de financiamento para os ‘jihadistas’, que aí cobravam impostos.

Em agosto, a Turquia lançou uma vasta operação no norte da Síria para expulsar o autoproclamado Estado Islâmico de zonas próximo da fronteira e também para prevenir o avanço de militantes curdos.