Última hora

Em leitura:

RBS regista prejuízos pelo nono ano consecutivo


empresas

RBS regista prejuízos pelo nono ano consecutivo

ALL VIEWS

Clique para descobrir

O Royal Bank of Scotland (RBS) soma prejuízos há nove anos consecutivos.

Em 2016, as perdas atingiram quase 7 mil milhões de libras, o equivalente a 8,3 mil milhões de euros, o que representa um aumento de mais de 250% face ao ano anterior.

Desde 2007, os prejuízos totalizam 58 mil milhões de libras.

Neste contexto, o banco anuncia uma nova redução de custos de 2 mil milhões de libras. Isso significa que haverá mais despedimentos e encerramento de sucursais.

O analista Jeremy Batstone-Carr adianta: “As operações centrais estão a funcionar muito bem. Sinto pena dos funcionários do Royal Bank of Scotland. Suspeito que muitos vão perder os seus empregos, devido à redução de custos anunciada agora. Eles continuam a pagar o preço dos problemas que o banco enfrenta devido aos excessos cometidos há dez anos”.

No ano passado, o RBS registou uma queda das receitas e do rácio de capital, enquanto aumentaram os custos com o plano de reestruturação. O banco aumentou também as provisões para fazer face a processos judiciais nos Estados Unidos, relacionados com a venda de “subprimes”.

Apesar das dificuldades, o banco espera regressar aos lucros em 2018.

O RBS foi nacionalizado em 2008 pelo governo britânico. Londres injetou 20 mil milhões de libras (25 mil milhões de euros) e detém ainda 72% do capital. No ano passado, foi o único banco britânico que falhou os testes de resistência do Banco de Inglaterra.

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

empresas

Desvalorização da libra penaliza contas da IAG