Última hora

Em leitura:

Suécia: Polícia investiga incêndio em centro de refugiados de Vanersborg


Suécia

Suécia: Polícia investiga incêndio em centro de refugiados de Vanersborg

As chamas consumiram, esta noite, parte de um centro de acolhimento de refugiados em Vanersborg, no oeste da Suécia.

O incidente, cujas causas ainda não são conhecidas, provocou pelo menos 15 feridos, a maioria intoxicados pelo fumo.

Duas pessoas foram hospitalizadas depois de terem saltado das janelas do terceiro andar para escapar às chamas.

A polícia abriu entretanto um inquérito ao incidente, quando não exclui a possibilidade de tratar-se de fogo posto.

Segundo um residente:

“Muitas pessoas ficam acordadas até tarde e nunca tivémos um incidente como este. Temos uma boa relação com as pessoas da cidade e não é algo que me inquiete neste momento”.

Os 160 residentes da instalação foram entretanto realojados temporariamente num ginásio.

Os bombeiros encontram-se ainda a vigiar o edifício, após terem extinguido as chamas.

Segundo as primeiras informações, o incêndio ter-se-ia declarado numa zona abandonada da instalação.

Só no ano passado, as autoridades suecas registaram 112 incêndios em residências de refugiados, a maioria casos de fogo posto que permanecem por elucidar.

Desde há mais de um ano que as autoridades decidiram ocultar as moradas deste tipo de instalações para evitar que sejam alvo de possíveis ataques.

Iraque: tropas governamentais avançam na conquista de Mossul ocidental e milhares de civis tentam fugir aos combates

Iraque

Iraque: tropas governamentais avançam na conquista de Mossul ocidental e milhares de civis tentam fugir aos combates