Última hora

Em leitura:

Extremistas reivindicam tentativa de atentado na Argélia


Argélia

Extremistas reivindicam tentativa de atentado na Argélia

O grupo Estado Islâmico reivindicou, esta segunda-feira, o ataque frustrado, em Constantina, na Argélia.
Um bombista suicida pretendia fazer-se explodir numa esquadra de polícia, no centro da cidade. Acabou baleado antes de entrar no posto da polícia.

Uma tentativa de atentado que acontece, e não por acaso, segundo o governo, no dia em que o Presidente do país anunciou a data das eleições legislativas, que ficaram agendadas para 4 de maio:

“Precisamos estar atentos para travar estes atos que visam desestabilizar o país, particularmente, neste momento em que estamos a preparar-nos para as eleições legislativas”, afirmou o ministro do Interior argelino.

As autoridades temem o agravar da situação até porque continuam ativas, na região, ramificações de grupos extremistas.

A saúde do presidente argelino, vítima de bronquite aguda, é outra preocupação. Para já, e de acordo com o secretário-geral da Frente de Libertação Nacional, a situação evolui positivamente.

Direitos Humanos: Guterres pede à comunidade internacional que não fuja às responsabilidades

Suíça

Direitos Humanos: Guterres pede à comunidade internacional que não fuja às responsabilidades