Última hora

Última hora

Descobertos os mais antigos vestígios de vida na Terra

Foram descobertos os mais antigos vestígios de vida na Terra, anunciou na quarta-feira uma equipa de cientistas chefiada pelo biogeoquímico Matthew Dodd, da University College de…

Em leitura:

Descobertos os mais antigos vestígios de vida na Terra

Tamanho do texto Aa Aa

Foram descobertos os mais antigos vestígios de vida na Terra, anunciou na quarta-feira uma equipa de cientistas chefiada pelo biogeoquímico Matthew Dodd, da University College de Londres.

São fósseis de microorganismos cuja idade ascende até aos 4300 milhões de anos e foram descobertos no Canadá. Semelhantes a bactérias que prosperam actualmente à volta de fontes hidrotermais no fundo dos oceanos, estes vestígios podem ser as provas mais antigas da vida na Terra, segundo os cientistas.

Provenientes da cintura de rochas verdes de Nuvvuagittuq, na costa da Baía de Hudson, no Nordeste do Quebeque, perto das ilhas Nastapoka, estes microfósseis parecem confirmar a hipótese de as fontes hidrotermais de água quente terem sido o berço da vida na Terra pouco depois da formação do planeta. Os resultados deste estudo são divulgados na edição desta semana da revista Nature.