Última hora

Em leitura:

François Fillon responde a apelos à demissão com manifestação em Paris


França

François Fillon responde a apelos à demissão com manifestação em Paris

François Fillon resiste ao escândalo “Penelopegate” e à investigação da justiça, mas com cada vez menos apoios na corrida às presidenciais francesas.

O diretor de campanha de Fillon apresentou ontem a demissão, quando mais de uma centena de personalidades do partido conservador exigem a retirada do candidato.

O ex-primeiro-ministro rejeita ceder ao que considera ser uma “tentativa de assassinio político” e apelou os seus apoiantes a marcharem a seu lado, no domingo, a partir das 15h00, durante uma manifestação em Paris.