Última hora

Em leitura:

Cimeira dos quatro decide Europa a várias velocidades


França

Cimeira dos quatro decide Europa a várias velocidades

Uma União Europeia a várias velocidades. Espanha, Alemanha, França e Itália defendem uma Europa que permita os Estados-membros possam avançar mais rápido do que outros em diversas áreas.

Angela Merkel, François Hollande, Mariano Rajoy e Paolo Gentiloni afinaram pelo mesmo diapasão na reunião desta segunda-feira em Versalhes, nos arredores de Paris.

A unidade não é uniformidade e é por essa razão que eu defendo que haja novas formas de cooperação para podermos ir mais longe e mais fortes, nalguns países, sem que outros sejam totalmente excluídos e sem que outros se possam opor”, declarou o Presidente francês.

“Temos que ter a coragem de ter alguns países a liderar o caminho mesmo se nem todos querem participar. É necessária uma Europa de diferentes velocidades, caso contrário, vamos, eventualmente, ficar paralisados. Isto tem que estar aberto a todos, ninguém deve ser excluído, mas para cada projeto ninguém deve ser forçado a participar, explicou a chanceler alemã.

O primeiro-ministro espanhol sublinhou que Espanha quer “ir mais longe” na integração, o italiano defendeu diferentes níveis de integração.

Defesa, política, economia, cultura ou juventude, algumas das áreas onde podem existir novos projetos com cooperação diferenciada.

A decisão de ir avançar dependerá de cada Estado membro.