Última hora

Em leitura:

EUA: Líderes tribais e ambientalistas prometem não parar protestos contra oleoduto Dakota Access


EUA

EUA: Líderes tribais e ambientalistas prometem não parar protestos contra oleoduto Dakota Access

Já quase sem mais meios legais à disposição, os líderes das tribos americanas e os grupos ambientalistas garantem que não vão parar de se manifestar contra a passagem do oleoduto Dakota Access por baixo de um reservatório do rio Missouri, no Dakota do Norte, nos Estados Unidos. Esta sexta-feira, os protestos ocorreram junto à Casa Branca, em Washington.

Esta semana, um juiz federal recusou mais um recurso para impedir a conclusão do projeto. Mas em curso já está outra ação legal.

O oleoduto está quase concluído, faltam apenas cerca de dois quilómetros. No total deve custar cerca de 3,6 mil milhões de euros e atravessa quatro estados norte-americanos, ao longo de uma área de 1886 quilómetros, o que vai permitir transportar petróleo do Dakota do Norte para o Illinois.

A tribo Standing Rock Sioux está preocupada que uma eventual fuga no oleoduto possa poluir a água potável. Para além disso, consideram o local como sagrado. Desde que os protestos começaram no ano passado já foram detidas quase 700 pessoas.