Última hora

Em leitura:

Manifestantes protestam em Ancara junto à embaixada holandesa


Turquia

Manifestantes protestam em Ancara junto à embaixada holandesa

Com Associated Press e Anadolu

Centenas de pessoas concentraram-se, na madrugada de domingo, junto às instalações da embaixada dos Países Baixos na Turquia, em Ancara, para protestar contra a decisão do Executivo holandês de impedir que dois membros do Governo turco permanecessem em território do país europeu para fazer campanha no quadro de um referendo a ser organizado em abril.

Manifestações semelhantes, nas quais participaram cidadãos turcos residentes na cidade portuária de Roterdão e cidadão holandeses de origem turca, tiveram lugar junto ao consulado da Turquia na localidade.

Para além de vários manifestantes anónimos, figuras próximas do presidente Recep Tayyip Erdoğan marcaram presença na concentração de Ancarta.

Foi o caso de Şükrü Kartepe, conselheiro do presidente turco, que disse ser inaceitável a decisão do Governo holandês:

“Encontramo-nos aqui reunidos para protestar contra o comportamento do Governo holandês relativamente às autoridades turcas”, disse Kartepe.

“Foi irracional, nada ético e que não seguiu as regras da diplomacia”, concluiu.

Os manifestantes gritaram palavras de ordem contra o Governo holandês.

A polícia turca instalou um perímetro de proteção em redor das instalações da representação diplomática, para onde chegaram a ser lançados ovos.

Os acessos à embaixada foram fechados “por questões de segurança”, disseram as autoridades.


Segundo a agência de notícias Estatal turca, Anadolou, o primeiro-ministro Binali Yildirim disse, durante um encontro na província de Balikesir, que a Europa deveria “evitar meter-se nos assuntos da Turquia.”

“Não façam isso. Aviso que tal não se adequa à nossa amizade e alliança. Aqueles que fizerem amigos com os inimigos da Turquia não demonstrarão amizade para com a Turquia” disse o primeiro-ministro turco.

Entretanto, o Governo de Ancara já disse que a decisão do Executivo holandês iria receber, da parte da Turquia, uma resposta contundente.

ALL VIEWS

Clique para descobrir