Última hora

Em leitura:

Holanda: Klaver e Pechtold as outras surpresas das legislativas


Holanda

Holanda: Klaver e Pechtold as outras surpresas das legislativas

“Jess we can”. O grito de guerra dos apoiantes de Jesse Klaver, o líder do partido da Esquerda Verde, representa as esperanças depositadas no candidato favorito da juventude holandesa.

Aos 31 anos, o mais jovem candidato de sempre a umas legislativas, votou esta manhã em Haia.

Klaver defende um programa nos antípodas de Wilders, entre ecologia, defesa dos refugiados e dos valores sociais liberais da Holanda dos anos 70.

O candidato deverá conseguir um resultado recorde para a sua formação, de 2% de votos nas eleições de há cinco anos a 20% de popularidade nas últimas sondagens.

“Wilders está a perder terreno enquanto nós avançamos nas sondagens. A nossa mensagem para a Europa: não podemos parar o populismo mas é preciso não enganar as pessoas, defender os princípios de esquerda, os refugiados e a Europa”, afirmou Klaver.

O outro candidato que deverá beneficiar do sufrágio é Alexander Pechtold, de 51 anos. O líder do partido liberal Democratas 66, pró-europeu, votou em Wageningen, no centro do país.

Pechtold faz parte da chamada “oposição construtiva” que colaborou com a anterior coligação liderada por Mark Rutte e defende uma melhor integração dos imigrantes e um controlo do fluxo de refugiados através de mais investimento nos países do Médio Oriente.

Alguns analistas não excluem que possa ser o próximo primeiro-ministro quando a sua formação regista 22% de intenções de voto após um resultado de 8% nas últimas eleições.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

tradução automática

tradução automática

tradução automática

Turquia

Juncker "escandalizado" acusa Turquia de "distanciar-se da UE"