Última hora

Última hora

Martin Schulz, candidato do SPD para o cargo de Chanceler

Schulz parece ter trazido de volta a esperança aos militantes do SPD. Foi eleito candidato com 100% dos votos.

Em leitura:

Martin Schulz, candidato do SPD para o cargo de Chanceler

Tamanho do texto Aa Aa

Com AFP e DPA

Martin Schulz é candidato às eleições gerais alemãs, que terão lugar em setembro, quando os eleitores alemães serão chamados às urnas para eleger o novo Chanceler, posto de chefia governamental atualmente ocupado pela democrata-cristã Angela Merkel.


Schulz foi eleito líder do SPD, o Partido Socia-Democrata
O antigo presidente do Parlamento Europeu conseguiu 100% dos votos, num congresso realizado em Berlim.

A decisão de Schulz em deixar o Parlamento Europeu, que liderou durante cinco anos, poderia dar alguma esperança aos militantes do SPD.

Os conservadores da CDU continuam à frente nas intenções de voto.

Em entrevista à rádio pública de Berlim RBB, Schulz disse ser animador saber que as pessoas começavam a ter esperança numa vitória do SPD.


Os membros do SPD esperam que Schulz consiga por fim a divisões internas provocadas pelas reformas laborais aprovadas pelo último Chanceler do SPD, Gerhard Schroeder.

As medidas foram, na altura, impopulares, mas levaram a uma quebra no desemprego.

No seio do SPD, no entanto, os resultados não foram suficientes para evitar o intensificar das tensões entre centristas e esquerdistas.