Última hora

Última hora

União Europeia preparada para saída do Reino Unido

A União Europeia diz-se preparada e aliviada por o Reino Unido ter definido a data de ativação do artigo 50, que levará à saída do país do bloco europeu.

Em leitura:

União Europeia preparada para saída do Reino Unido

Tamanho do texto Aa Aa

A União Europeia diz-se preparada e aliviada por o Reino Unido ter definido a data de ativação do artigo 50, que levará à saída do país do bloco europeu.

Nas 48 horas a seguir à notificação britânica, Donald Tusk apresentará um projeto com as diretrizes europeias.

Os líderes da UE reúnem-se, no final de abril ou início de maio, para as aprovar:

“Penso que as autoridades britânicas precisaram deste tempo para se prepararem mas vamos, finalmente, chegar ao cerne da questão e espero que façamos isso de forma construtiva, de ambos os lados”, afirmou o ministro das Finanças francês, Michel Sapin.

As negociações formais entre Reino Unido e UE avançam depois de os Estados membros aprovarem as regras. Um processo que poderá estender-se até junho.

Theresa May diz-se pronta para iniciar o processo e defender os interesses dos britânicos:

“Eu estabeleci os meus objetivos, incluindo a obtenção de um bom acordo de comércio livre, incluindo questões como a continuação do trabalho conjunto em matérias como a segurança, na sequência do que já estamos a fazer. Vamos fazer o nosso trabalho, nas negociações, para alcançarmos aquilo para que o povo britânico votou”, adiantou May.

Theresa May anunciou, esta segunda-feira, que ativará o artigo 50 no próximo dia 29, iniciando um processo de “divórcio”, supostamente amigável, com a União Europeia.

Começa aqui um processo de intensas negociações entre as duas partes, em que cada uma delas tenta conseguir o melhor acordo. Têm dois anos para consegui-lo.