Última hora

Em leitura:

Mais de 640 mil pessoas afetadas pelas cheias no Peru


Perú

Mais de 640 mil pessoas afetadas pelas cheias no Peru

A temporada das chuvas continua a espalhar destruição e morte no Peru.

Mais de 140 mil casas já foram total ou parcialmente destruídas pela força das águas. O mais recente balanço oficial, publicado esta terça-feira, dá conta de 78 mortos desde o início da época das chuvas, em dezembro.

As inundações atingem principalmente as regiões do norte do Peru. Países vizinhos, da América Latina, como a Colômbia, o Chile, o Equador, o Paraguai e a Venezuela já começaram a enviar ajuda, tal como o Brasil, a Argentina e o Uruguai.

Na região de Piura, no extremo norte do Peru, uma habitante refere que conseguiu fugir com a filha da casa que tem na encosta da montanha. Quando voltou viu a casa “em muito mau estado”. Afirma que perdeu “quase tudo” e agora vive num dos centros de acolhimento de urgência abertos pelas autoridades.

Na capital, Lima, uma idosa, com 80 anos, não consegue esconder o desespero depois de perder quase tudo o que tinha e de ter ficado “sem água e sem luz”.

Segundo os números oficiais, mais de 640 mil pessoas já foram afetadas pelas inundações. Todo o apoio é bem-vindo e por isso as autoridades peruanas pedem a todos que se juntem à campanha de ajuda humanitária #UnaSolaFuerza.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Irão

Irão: Economia no centro do discurso do aiatola Khamenei no ano novo persa