Última hora

Em leitura:

Bruxelas relembra vítimas de atentados terroristas


Bélgica

Bruxelas relembra vítimas de atentados terroristas

Um ano depois dos atentados que vitimaram 32 pessoas, Bruxelas relembra as vítimas e os atentados que lançaram o caos na capital belga.

A Bélgica acordava para o horror quando três bombistas suicidas se fizeram explodir no aeroporto e numa estação de metro de Bruxelas.

Doze meses depois, o país realiza cerimónias em memória das vítimas, programadas para acontecerem no momento em que os ocorreram os atentados.

Os ataques em Bruxelas, antecedidos por outros mais trágicos em Paris, continuaram a levantar questões sobre segurança e reavivaram o debate numa Europa sem fronteiras físicas.

Um ano depois dos ataques a Bélgica continua em estado de alerta, consciente das ameaças, que vêm de dentro mas que podem também chegar de fora, num país onde as portas continuam abertas, ainda que a segurança seja mais apertada.