Última hora

Sérvia: Primeiro-ministro prestes a tornar-se presidente

A Sérvia elege, no domingo, o próximo presidente.

Em leitura:

Sérvia: Primeiro-ministro prestes a tornar-se presidente

Tamanho do texto Aa Aa

A Sérvia elege, no domingo, o próximo presidente.

O primeiro-ministro, Aleksandar Vucic, líder do conservador Partido Progressista e o político mais popular do país, é o grande favorito.

De acordo com as previsões, o antigo ministro da Informação de Slobodan Milosevic reúne mais de 50% das intenções de voto, prevendo-se que seja eleito à primeira volta.

Entre os dez rivais que disputam com Vucic o posto de chefe de Estado, está o atual Provedor do Povo, Sasa Jankovic.

O centrista reúne o apoio das elites urbanas e intelectuais.

Sob o lema “Por uma Sérvia sem medo”, Jankovic acusa o atual primeiro-ministro de “ter reduzido a cinzas as instituições sérvias”, de forma premeditada”.

Na corrida à presidência está, também, o antigo ministro dos Negócios Estrangeiros, Vuk Jeremic, apoiado por setores nacionalistas moderados.

O antigo chefe da diplomacia sérvia afirma que os principais problemas do país são o “desmoronamento da economia” e o baixo nível de vida.

Entre os candidatos está, ainda, o líder ultranacionalista, Vojislav Seselj.

O líder do Partido Radical Sérvio foi absolvido de crimes de guerra pela Justiça Internacional, há um ano. Opõe-se à integração do país na União Europeia e defende o estreitar dos laços com a Rússia.