Última hora

Em leitura:

Presidente iraniano defende reformas na Síria


Irão

Presidente iraniano defende reformas na Síria

O Irão acredita serem necessárias reformas na Síria mas está preparado para responder a qualquer nova ação bélica norte-americana.

Apesar de criticar o bombardeamento norte-americano a uma base aérea de Bashar al-Assad, o presidente iraniano sublinhou que entre as reformas está a necessidade de se realizarem eleições livres com o envolvimento da Liga Árabe.

Questionado pela Euronews, Hassan Rouhani, deixou claro que uma nova ação bélica norte-americana terá consequências.

“Uma possível repetição da agressão norte-americana na Síria não ficará sem resposta. Na minha opinião, os Estados Unidos nunca atuaram de acordo com os regulamentos e as normas internacionais, nem no interesse dos países na região”, explicou durante uma conferência de imprensa.

No final da semana passada, os mísseis norte-americanos atingiram uma base síria utilizada pelos russos. A ação ordenada pelo presidente norte-americano, Donald Trump, aconteceu depois de o Pentágono ter alertado o Kremlin da iminência do ataque, uma resposta ao alegado uso de armas químicas por parte do regime de Bashar Al-Assad, e que, segundo Washington, teve a conivência de Moscovo.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Suécia

A Suécia não esquece as vítimas do ataque de Estocolmo