Última hora

Em leitura:

Coreia do Norte pode atacar com gás sarin, afirma o primeiro-ministro do Japão


Japão

Coreia do Norte pode atacar com gás sarin, afirma o primeiro-ministro do Japão

ALL VIEWS

Clique para descobrir

A Coreia do Norte pode ser capaz de realizar um ataque com mísseis equipados com ogivas contendo gás sarin, afirma o primeiro-ministro do Japão. Num discurso diante da comissão para a política externa e defesa do senado japonês, Shinzo Abe disse que o pais deve adotar medidas face a esta eventualidade:

“Este mês foram mortos mais de uma centena de civis na Siria com gás sarin, temos de enfrentar esta realidade e garantir que a Coreia do Norte não avança. Há que usar de medidas de dissuasão.”

“Temos de fazer a Coreia do Norte entender que não tem futuro se continua a desafiar assim a comunidade internacional.”, acrescentou Abe.

Em Pyongyang avançam os preparativos para as celebrações, no sábado, do 105.º aniversário do nascimento do fundador do regime, Kim Il-Sung, avô de Kim Jong-un.

Os analistas receiam que o regime queira assinalar o aniversário do fundador com o lançamento de um míssil, como aconteceu noutros anos, ou até com um teste nuclear, que seria o sexto na história do país.

Donald Trump enviou para a região na semana passada um porta-aviões e a respetiva frota de ataque. Pequim não aprova este endurecimento da retórica norte-americana – o presidente chinês, Xi Jinping, telefonou a Trump na quarta-feira para lembrar que a China quer uma solução pacífica para a questão do programa nuclear norte-coreano.

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Alemanha

UEFA defende decisão de adiar desafio do Borussia após críticas