Última hora

Em leitura:

Emma Morano: Uma vida em três séculos


Itália

Emma Morano: Uma vida em três séculos

A italiana Emma Morano faleceu este sábado, aos 117 anos de idade, em Verbania, no norte de Itália.

Apontada como uma das mulheres mais idosas do mundo, Morano tinha nascido nos finais de 1800, tendo percorrido três séculos distintos.

Uma longevidade sem segredos para Morano cuja dieta, segundo ela, sempre excluiu frutas e vegetais, incluindo três ovos por dia.

O título da mais idosa do mundo é reclamado também por uma mulher da Nigéria que afirma ter mais de 130 anos de idade. No Quénia , uma mulher com 117 anos, nascida em 1900, pode agora reclamar igualmente o recorde de longevidade.