Última hora

Em leitura:

Reino Unido: Partido Nacionalista Escocês quer aproveitar eleições antecipadas para propôr novo referendo


Reino Unido

Reino Unido: Partido Nacionalista Escocês quer aproveitar eleições antecipadas para propôr novo referendo

A primeira-ministra da Escócia considera as eleições antecipadas um “enorme erro de cálculo político” mas garante que o Partido Nacionalista Escocês, SNP, vai aproveitar o momento para tentar conseguir um voto independente e tentar marcar um novo referendo sobre a independência.

“Se o SNP ganhar esta eleição na Escócia e o conservadores não, então as tentativas de Theresa May para bloquear o nosso mandato para dar ao povo escocês uma escolha quanto ao seu futuro quando for a altura certa, cairão por terra”, garantiu Nicola Sturgeon.

No parlamento, os 54 deputados escoceses do SNP abstiveram-se na votação que aprovou a realização de eleições antecipadas a 8 de junho.

Durante o debate na Câmara dos Comuns, Theresa May garantiu que “não é o momento para um segundo referendo sobre a independência escocesa porque isso vai enfraquecer a nossa capacidade de negociação no Brexit. Força e união, com os conservadores, divisão e fraqueza, com os nacionalistas escoceses”.

Recorde-se que em 2014, a Escócia realizou um referendo sobre a independência e o não perdeu por uma margem muito pequena. Mas desde que o Brexit foi aprovado, os escoceses, que votaram em grande maioria pela manutenção na União Europeia, dizem que as circunstâncias mudaram e que têm motivos para realizar uma nova consulta pública.