Última hora

Em leitura:

Fox paga 25 milhões a O'Reilly para afastá-lo por assédio


mundo

Fox paga 25 milhões a O'Reilly para afastá-lo por assédio

Qual o preço a pagar para limitar os danos de um escândalo de assédio sexual? Esta semana, a Fox despediu a estrela do “The O’Reilly Factor”, sobre quem pairam variadas suspeitas. Mas Bill O’Reilly terá levado mais dinheiro para casa do que as queixosas.

A Fox News foi varrida por ondas sísmicas quando, no início desta semana, se anunciou o afastamento do famoso apresentador Bill O’Reilly, após terem começado a circular notícias sobre múltiplos casos de assédio sexual. Cinco das alegadas vítimas de O’Reilly terão recebido 13 milhões de dólares para não avançar com processos na justiça e evitar um escândalo de grandes proporções.

Mas, segundo o New York Times, o apresentador de 67 anos terá saído com uma compensação superior: 25 milhões de dólares, supostamente o equivalente a um ano de trabalho.

Donald Trump tinha saído em defesa do seu amigo, conhecido pelas suas posições conservadoras, declarando que ele “não poderia ter feito nada de mal”.

Os casos de assédio sexual já custaram à 21st Century Fox, a casa-mãe, mais de 85 milhões de dólares. Ao que tudo indica, sensivelmente metade desse dinheiro foi parar às mãos de Roger Ailes, o ex-CEO dispensado em julho, igualmente na sequência de revelações idênticas. A Fox terá desembolsado 20 milhões de dólares a 6 das mulheres que acusavam Ailes.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

mundo

A semana em imagens: Do calvário de Mossul ao "Gólgota" de Ourém