This content is not available in your region

Ivanka Trump apupada em Berlim

Access to the comments Comentários
De  Ricardo Figueira
Ivanka Trump apupada em Berlim

<p>Ivanka Trump não se livrou de um apupo em Berlim, na cimeira de mulheres “W20”, em que participou ao lado da chanceler alemã Angela Merkel e da diretora do <span class="caps">FMI</span> Christine Lagarde.</p> <p>As vaias chegaram quando a filha de Donald Trump defendeu o pai como sendo alguém que protege as famílias: “Ele tem sido um autêntico campeão no apoio às famílias, em como as ajuda a triunfar nas novas realidades”, disse.</p> <p>Face à vaia, Ivanka Trump persistiu e respondeu às críticas que acusam o atual presidente norte-americano de <a href="http://www.telegraph.co.uk/women/politics/donald-trump-sexism-tracker-every-offensive-comment-in-one-place/">comportamento desapropriado para com as mulheres</a>: “Ouvi as críticas dos media, que têm sido repetidas, mas o que sei da minha experiência pessoal e dos milhares de mulheres que trabalharam para e com o meu pai durante décadas, quando estava no setor privado, é testemunho da crença dele no potencial das mulheres e na capacidade de trabalharem tão bem como qualquer homem”.</p> <blockquote class="twitter-tweet" data-lang="en"><p lang="en" dir="ltr">A picture of Donald Trump, with his daughter Ivanka, perched atop two concrete parrots having sex. <a href="https://t.co/TFse8gM1An">pic.twitter.com/TFse8gM1An</a></p>— Tim Ireland (@bloggerheads) <a href="https://twitter.com/bloggerheads/status/693818465086488576">January 31, 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script> <p>As palavras de Ivanka Trump não conseguiram convencer a audiência. Nesta deslocação a Berlim, a filha de Donald Trump, que participou já em várias reuniões internacionais ao lado do pai, visitou ainda um centro de formação de uma das maiores empresas tecnológicas da Alemanha.</p>