Última hora

Em leitura:

"Breves de Bruxelas": avisos de Barnier e liberdade de imprensa


A redação de Bruxelas

"Breves de Bruxelas": avisos de Barnier e liberdade de imprensa

O relógio não pára e é preciso avançar com o Brexit, avisou o principal negociador da União Europeia, Michel Barnier, no dia em que a Comissão Europeia adotou as diretrizes de negociação.

Bruxelas tem três preocupações centrais: os direitos dos cidadãos, os compromissos financeiros e as questões de fronteira, nomeadamente com a Irlanda.

Michel Barnier disse que o Reino Unido precisa de acertar as contas antes de se negociarem as futuras relações comerciais.

Neste programa que passa em revista a atualidade europeia diária recordamos, também, a mensagem por ocasião da celebração do Dia Mundial da Liberdade de Imprensa: “O Jornalismo não é um crime”.

Mais de 800 jornalistas morreram em serviço, ao longo da última década, revelou a ONU. A Turquia é um dos países que mais tem vindo a reprimir a imprensa, com o governo por detrás da detenção de vários repórteres.

A redação de Bruxelas

Custos do Brexit "não são uma punição" para o Reino Unido