Última hora

Fernando Alonso entra "a matar" nos testes para a #Indy500

O espanhol, de 35 anos, teve um primeiro dia de testes "perfeito" de ambientação ao circuito oval de Indianápolis, onde dois pássaros... passaram à história.

Em leitura:

Fernando Alonso entra "a matar" nos testes para a #Indy500

Tamanho do texto Aa Aa

A pouco mais de três semanas da estreia nas 500 Milhas de Indianápolis, corrida a contar para Fórmula Indy norte-americana, Fernando Alonso teve “um dia perfeito” de testes, rodando a uma média de 350 km/hora durante mais de uma centena de voltas.

“Foi um dia realmente perfeito. Sem dramas. O primeiro passo de ambientação a Indianápolis foi completado sem problemas. Agora, o trabalho de preparação continua até ao dia da corrida. Está tudo a andar bem”, assumiu ao jornal digital Motorsport Mario Andretti, o antigo piloto e líder da equipa para a qual vai correr o espanhol, de 35 anos, na Indy500.

No decorrer dos testes ao volante do McLaren Honda Andretti, a velocidade foi tal que dois pássaros pousados na pista não tiveram tempo de fugir e desfizeram-se num monte de penas ao serem atropelados pelo novo monolugar laranja do espanhol.

Cumprindo mais de uma centena de voltas no circuito oval de Indianapólis, o espanhol disse ter sentido“mais ou menos o que esperava graças aos testes de simulador efetuados nas últimas semanas”.

“Pareceram-me realísticos os testes, por isso, mais ou menos, o que senti agora na pista foi o esperado. O que é diferente, agora, é o meu entusiasmo pela corrida em si”, afirmou Alonso.

Para se estrear nas Indy500, a 28 de maio, o espanhol vai abdicar de participar no Grande Prémio do Mónaco, de Fórmula1, marcado para o mesmo fim de semana.