Última hora

Em leitura:

Braço político do Hamas tem novo líder


Israel

Braço político do Hamas tem novo líder

Ismaïl Haniyeh, foi eleito para dirigir o braço político do Hamas. Uma nomeação que acontece no momento em que o movimento tenta reconciliar-se com outros grupos palestinianos. Haniyeh substitui o veterano Khaled Meshaal, exilado no Qatar.

Uma mudança que toma forma quando o Hamas, considerado grupo terrorista pelos EUA e União Europeia, parece ter suavizado a sua posição no que diz respeito a Israel:

“Esta é também a confirmação de que o Hamas é renovável, consultivo e democrático e acredita na devolução do poder. Esperamos que a próxima fase, com Ismail Haniyeh, represente uma abertura para a região”, explica Fawzi Barhoum, porta-voz do Hamas.

Ao contrário de seu antecessor, Haniyeh permanecerá no pequeno enclave, sob bloqueio israelita há mais de uma década, para dirigir este movimento islâmico:

“O facto do líder político do Hamas estar dentro de Gaza faz com que tenha mais conhecimento sobre a situação da população. Se uma pessoa está fora de Gaza, não vai falar sobre as provações e preocupações das populações, corretamente, porque não sente da mesma forma que eles”, adianta um habitante de Gaza.

A mudança de liderança política no Hamas acontece dias depois de o movimento ter anunciado, pela primeira vez na sua história, uma mudança no seu programa político, no qual diz aceitar um Estado palestiniano limitado às fronteiras de 1967.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Vaticano

Papa Francisco "envergonhado" pela "mãe de todas as bombas"