Última hora

Em leitura:

Banguecoque atribui autoria de ataque em Pattani a independentistas islâmicos


Tailândia

Banguecoque atribui autoria de ataque em Pattani a independentistas islâmicos

Com agências

A explosão de um carro armadilhado junto a um centro comercial em Pattani, no sul da Tailândia, fez pelo menos 60 feridos, 20 dos quais com gravidade.

Um porta-voz do exército tailandês diz que os autores do ataque são separatistas muçulmanos que fizeram estourar pequenos petardos, como manobra de diversão, antes de fazerem explodir o carro armadilhado estacionado junto à entrada do centro comercial.

Os militantes islamistas lutam pela criação de um Estado independente no sul do país asiático.

A Tailândia, com cerca de 68 milhões de habitante, é um país maioritariamente budista.

Anos de luta armada no sul do país são a causa de mais de 6500 mortes nos últimos 13 anos.

A maioria, etnicamente malaia e de confissão muçulmana vive nas províncias de Yala, Pattani e Narathiwat.

Os ataques têm vindo a intensificar-se este ano.Morreram seis rangers do exército tailandês num ataque, no passado mês de abril.