Última hora

Em leitura:

Fátima: Quartos a milhares de euros


Portugal

Fátima: Quartos a milhares de euros

Para quem quer ver o Papa Francisco em Fátima, no 13 de maio, e ainda não reservou quarto, há boas notícias. É ainda, possível reservar um alojamento, na cidade ou arredores, para assistir ao ponto alto das comemorações do Centenário das Aparições. O necessário é abrir os cordões à bolsa.

De acordo com a informação disponível num dos portais internacionais de reserva de alojamentos, na internet, há 20 unidades hoteleiras de Fátima que têm quartos disponíveis para a noite que o Sumo Pontífice passa na Cova da Iria. Os preços variam entre os 334 e os 2500 euros por noite.

Para quem não pode despender de tanto dinheiro, há sempre a possibilidade de optar pelo campismo. A Câmara Municipal de Ourém informa, no seu sítio na internet, “que o mesmo não será autorizado de forma desordenada. Para que tal não se venha a verificar, as autoridades policiais irão impedir essa prática.”

Ao mesmo tempo, “o Município de Ourém disponibiliza um espaço próprio e dotado das condições essenciais, localizado na periferia do Estádio João Paulo II (não confundir com o Estádio Papa Francisco) perto da Rotunda Sul e da Avenida Irmã Lúcia de Jesus. Este parque estará dotado de equipamentos para uma utilização normal”, refere a autarquia, ou seja inclui “a segurança, WC, água potável, duches, energia elétrica e recolha de resíduos”.

O autarca, Paulo Fonseca, em declarações à agência Lusa, avisou que “quem peregrina a Fátima tem de organizar-se e procurar informações antes”.

2017: bom ano para a hotelaria

Num ano em que Portugal está “na moda” e o Governo português estima que serão batidos todos os recordes, o Centenário das Aparições de Fátima prometem atrair milhões para o centro do território continental. De acordo com a Câmara Municipal de Ourém, espera-se que mais de oito milhões de pessoas passem pelo Santuário, em 2017. Um milhão é o número previsto de visitantes para 12 e 13 de maio.

Uma boa notícia para os empresários do setor hoteleiro. Segundo o presidente da Associação Empresarial Ourém/Fátima (ACISO), Alexandre Marto Pereira, em declarações à Lusa, “a época alta começou este ano mais cedo e a expectativa é de que termine mais tarde, e vai trazer mais hóspedes e aumentar o preço médio do alojamento”. Quanto às notícias, que foram surgindo nos media, que relatavam que algumas unidades hoteleiras estariam a praticar preços exorbitantes, que chegavam aos 2500 euros por noite, o presidente da ACISO garantiu que esse “é um tipo de oferta extremamente residual e marginal” e que “se os hotéis de Fátima, que são mais de 70, na sua imensa maioria, tentassem fazer negócios com preços extremamente elevados, teriam de estar todo o ano com esses preços. Se assim fosse, hoje não haveria um, dois ou três hotéis com vagas, mas 70 ou 80 e não há. Todos os hotéis venderam a capacidade que tinham por preços razoáveis e em operações normais”.

Francisco é o quarto papa a visitar Fátima – Paulo VI (1967), João Paulo II (1982, 1991, 2000) e Bento XVI (2010).

No sábado (13), o Sumo Pontífice vai canonizar Francisco e Jacinta Marto.

EUA

Demissão do diretor do FBI gera polémica