Última hora

Em leitura:

Esperança de vida aumenta para doentes com VIH


mundo

Esperança de vida aumenta para doentes com VIH

A esperança de vida para doentes com o Virús de Imunodeficiência Humana (VIH) aumentou em cerca de dez anos para os homens e em cerca de nove anos para as mulheres. Os doentes com VIH poderão esperar viver até aos 73 anos e as doentes até aos 76.

O aumento da esperança de vida resulta de um estudo financiado por entidades médicas britânicas e europeias, envolvendo dados de quase 90.000 pessoas e que foi publicado esta quinta-feira pela revista Lancet HIV)30066-8/fulltext?elsca1=tlpr.

A investigação foi iniciada em 1996 com pacientes na casa dos 20 anos de idade incluídos num programa de tratamento com medicamentos antirretrovirais.


A terapia implica o recurso a três ou mais drogas para impedir o VIH de se replicar e ainda prevenir eventuais danos provocados pela infeção no sistema imunitário dos doentes.

Os investigadores consideram que a progressiva melhoria dos resultados se deve à utilização de terapia antirrettroviral menos tóxica, à maior escolha de medicamentos para combater a resistência do virús e ao controlo de doenças associadas como as cardíacas e o cancro.