Última hora

Em leitura:

Franco vai deixar o Vale dos Caídos


mundo

Franco vai deixar o Vale dos Caídos

O Vale dos Caídos, perto de Madrid, vai deixar de albergar a sepultura do antigo ditador espanhol Francisco Franco (1892-1975). O parlamento espanhol aprovou a medida que prevê a exumação do corpo do Caudilho, até agora num mausoléu neste monumento. A proposta do PSOE foi aprovada com a abstenção do Partido Popular e da Esquerda Republicana Catalã (embora por motivos diferentes) e votos a favor de todas as outras forças.

As opiniões dividem-se: “Deviam deixar as coisas como estão, porque é um monumento para ambos os lados da Guerra Civil. É preciso saber viver com a história”, diz uma mulher em Madrid. Para outro homem, “os monumentos erguidos pelo regime golpista devem ser transformados noutra coisa, com outro sentido, radicalmente oposto ao que têm agora. A Espanha é o único país onde se exalta a violência com este tipo de monumentos”.

O Vale dos Caídos foi erguido pela ditadura, utilizando presos políticos como mão-de-obra, em honra dos mortos na Guerra Civil. Nele onde estão sepultadas as principais figuras do franquismo e cerca de 36000 soldados, de ambos os lados que combateram na Guerra Civil – falangistas e republicanos.

Itália

Detidos suspeitos de assassinar migrantes