Última hora

Última hora

Confrontos na Cisjordânia fazem um morto

Um palestiniano foi morto pelos israelitas durante os últimos protestos.

Em leitura:

Confrontos na Cisjordânia fazem um morto

Tamanho do texto Aa Aa

Um homem palestiniano foi morto a tiro pelo exército israelita em Nabi Saleh, perto de Ramallah, na Cisjordânia. A morte aconteceu durante um protesto que degenerou em confrontos violentos com o exército, em que os manifestantes atiraram pedras contra os soldados do Tsahal. A manifestação começou depois das orações de sexta-feira. Segundo o ministério palestiniano da saúde, o homem foi morto com um tiro no peito. A porta-voz do Tsahal diz que os militares israelitas usaram meios de dispersão de motins – gás lacrimogéneo e balas de borracha – para enfrentar esta manifestação, que envolveu cerca de 100 palestinianos.

A mais recente onda de violência no Médio Oriente fez já pelo menos 244 mortos entre os palestinianos e 37 entre os israelitas. Pelo menos três estrangeiros foram também mortos. Segundo as autoridades de Israel, a maioria dos palestinianos mortos pelo exército, neste período, tinham lançado ataques violentos.