Última hora

Em leitura:

O dia em que os idosos saíram às ruas de Caracas


Venezuela

O dia em que os idosos saíram às ruas de Caracas

Centenas de idosos venezuelanos, a favor e contra o presidente Nicolas Maduro, manifestaram-se nas rua de Caracas, uns em apoio à convocatória de um assembleia constituinte, outros para rejeitar o projeto de alteração da constituição que, segundo eles, irá aprofundar o que chamam de ‘ditadura’. Muitos marcharam sem medo, apesar da idade, do gás pimenta e das possíveis bastonadas das autoridades.

“A terceira idade, os avôs desde lindo país caminham até à Provedoria da Justiça para defender os direitos dos nossos filhos e nossos netos. Viva à liberdade”, gritou um idoso conhecido como ‘Santa’, por causa das suas barbas brancas.

As marchas coincidiram com a destituição da ministra da Saúde, Antonieta Caporale, por alegadamente ter divulgado um relatório com dados oficiais que dão conta da deterioração do setor.

As manifestações na Venezuela intensificaram-se no último mês. Desde um de abril já morreram cerca de 40 pessoas durante ações de rua.