Última hora

Em leitura:

Áustria: Sebastian Kurz quer legislativas antecipadas


Áustria

Áustria: Sebastian Kurz quer legislativas antecipadas

Sebastian Kurz, foi eleito, líder do Partido Popular da Áustria, a formação conservadora que faz parte da coligação que gere os destinos do país. Aquele que é também ministro dos Negócios Estrangeiros austríaco quer eleições legislativas antecipadas:

“Do meu ponto de vista, o primeiro passo deve ser tomarmos a decisão unânime de marcar eleições antecipadas. Assim paramos a permanente campanha eleitoral, que começou há dois meses, e garantimos que a situação não se prolonga por mais um ano”, adiantou Kurz.

O chanceler do país, o social-democrata Christian Kern, tentou segurar a coligação até às legislativas de setembro de 2018, mas já admitiu que é inevitável antecipar as eleições:

“Já não resta outra coisa a fazer. Todos o sabemos. Para quê continuarmos a falar? Estou certo de que haverá eleições este outono”, afirmou o chanceler austríaco.

A coligação entre sociais-democratas e conservadores, no poder desde 2007, já viu melhores dias. No centro da polémica estão as políticas a aplicar em questões como a emigração, a reforma fiscal e a educação. As legislativas deveriam ocorrer em dezembro de 2018.

Kurz, de 30 anos, é visto como a melhor aposta do partido se este quer melhorar os seus resultados eleitorais e ultrapassar o Partido da Liberdade, de extrema-direita, que segundo as sondagens é o preferido dos eleitores, seguido pelos social-democratas do chanceler Christian Kern, que tentou segurar a coligação mas já admitiu que é inevitável antecipar as eleições.