Última hora

Em leitura:

EUA: responsáveis dos Serviços de Inteligência negam pressões


EUA

EUA: responsáveis dos Serviços de Inteligência negam pressões

As respostas dos responsáveis pelos serviços de inteligência dos Estados Unidos não agradaram aos senadores norte-americanos, que insistiram na alegada pressão de Trump sobre o FBI.

O diretor da Inteligência Nacional, Dan Coats, disse nunca se ter sentido pressionado pelo presidente dos Estados Unidos.

Já o responsável pela Agência Nacional de Segurança, Mike Rogers, afirmou: “Nunca fui instruído para fazer nada que eu acredite que seja ilegal, imoral, antiético ou inapropriado. E durante esse período não me lembro de me sentir pressionado para o fazer”.

O depoimento mais esperado desta sequência ocorrerá quinta-feira, quando os senadores ouvirem o depoimento do ex-diretor do FBI James Comey, que investigava as alegadas relações entre a Rússia e a campanha de Trump.